Sacrifício Maximo


O Sacrifício Máximo

Marcos 14:3-5 “3 E, estando ele em Betânia, assentado à mesa, em casa de Simão, o leproso, veio uma mulher, que trazia um vaso de alabastro, com unguento de nardo puro, de muito preço, e quebrando o vaso, lho derramou sobre a cabeça.
4 E alguns houve que em si mesmos se indignaram, e disseram: Para que se fez este desperdício de unguento?
5 Porque podia vender-se por mais de trezentos dinheiros, e dá-lo aos pobres. E bramavam contra ela.”

Introdução:

Isto pode soar como uma pergunta incomum, mas deixe-me perguntar uma coisa, O QUE É sacrifício?

Um sacrifício, pode significar coisas diferentes para pessoas diferentes, tais como:
O que eu poderia chamar um sacrifício, talvez você não põe um sacrifício
O que você chama um sacrifício, eu não poderia chamar um sacrifício

Por exemplo, há pessoas nesta congregação que gostam de fazer as férias no meio da selva.
Eles entram dentro de uma tenda infestada de mosquitos e dizem : “Isto é que é vida”
Agora você pode chamar a isso um bom período de férias, mas para alguns desistir de uma bela cama, seria um enorme sacrifício.

O que eu chamo um sacrifício e que você chama de sacrifício pode não ser a mesma coisa.
Mas quando se trata de sacrifícios ESPIRITUAIS não podemos ter opiniões diferentes. Só Deus sabe o que é um sacrifício, mas é importante que nós também saibamos.

Você sabia que para viver uma vida justa, é necessário haver um sacrifício?

Salmo 4:5 “Oferecei sacrifícios de justiça, e confiai no Senhor."
Para viver de uma forma justa significa que temos de sacrificar algumas das actividades deste mundo.

Elas são:

• Beber álcool
• Usar drogas
• Comportamento sexual imoral
• Falar mal de todos

Para que um sacrifício para ser classificado como tal, exige três coisas.
I. Um sacrifício deve ser dado livremente

Um sacrifício oferecido por um coração sem vontade, não é aceitável.

Salmo 54:6 “De livre vontade te oferecei sacrifícios; louvarei o teu nome, ó Senhor, porque é bom.”

Supõe que a tua mulher te diz para levantares esse rabo preguiçoso da cama e ires com ela à igreja senão começas a lavar as tuas meias cheias de chulé. Então decides ir à igreja com medo que ela te ponha a lavar as meias. ISSO NÃO É SACRIFÍCIO!

Isso não partiu da tua própria vontade mas sim de uma ameaça. Um sacrifício deve ser dado livremente.

Tudo o que fazemos tem que começar na nossa auto iniciativa, da nossa própria Vontade.

Um sacrifício deve ser dado livremente, mas também,

II. Um sacrifício tem de ser Total não parcial

Por exemplo no VT, sacrifícios parciais não eram aceitáveis - animais tinham que morrer, e não apenas sofrer um bocado.

Este é o tipo de sacrifício que as pessoas hoje estão oferecendo ao Senhor. Ou seja, eles não se importam em sofrer um bocado, mas eles não estão dispostos a entregar-se completamente, ao ponto de se entregar totalmente pela causa de Cristo.

ILUSTRAÇÃO : “alguns dizem: “Deus se fizeres um pouco ali, então eu darei um pouco aqui.”
“Deus se tiveres compromisso ali então eu darei compromisso também”

Um sacrifício deve ser TOTAL

Marcos 12:41-44 “41 E, estando Jesus assentado defronte da arca do tesouro, observava a maneira como a multidão lançava o dinheiro na arca do tesouro; e muitos ricos deitavam muito.
42 Vindo, porém, uma pobre viúva, deitou duas pequenas moedas, que valiam meio centavo.
43 E, chamando os seus discípulos, disse-lhes: Em verdade vos digo que esta pobre viúva deitou mais do que todos os que deitaram na arca do tesouro;
44 Porque todos ali deitaram do que lhes sobejava, mas esta, da sua pobreza, deitou tudo o que tinha, todo o seu sustento.”


A Bíblia diz que Jesus estava ASSENTADO em frente à ARCA DO TESOURO para ver o que davam.
E a Bíblia diz que houve muitos ricos, que traziam muito. Ou seja, eles deram uma boa oferta.
Mas então veio em uma pobre viúva, e ela deu duas moedas.

Jesus chama os discípulos e diz-lhes que os ricos davam grandes abundâncias mas era simplesmente o que SOBRAVA.
Eles deram para lá da sua abundância, deram o que não lhes fazia falta.

MAS a viúva deu A TOTALIDADE.
Em outras palavras, ela conheceu o critério de um sacrifício, porque deve ser um sacrifício TOTAL.

Um sacrifício deve ser dado LIVREMENTE, TOTALMENTE, mas também,

III. Um sacrifício tem de ser dado com custo

Durante anos encontramos pessoas que trabalham durante quase toda a noite de sábado para que o domingo de manhã tudo esteja pronto para a celebração.
SÃO PESSOAS QUE SABEM QUE SACRIFICO TEM UM CUSTO.

Durante anos encontramos pessoas que são fieis na igreja, nas suas ofertas nos seus dízimos, que quando existe um apelo para as missões eles ficam empolgados e no meio das suas economias ainda fazem um esforço para abençoar a obra missionária.
SÃO PESSOAS QUE SABEM QUE SACRIFICO TEM UM CUSTO.

Um sacrifício é sempre algo com um custo
Mas, quando pensamos em sacrifícios, temos de lembrar que o Senhor Jesus Cristo deu o maior sacrifício que já foi dado.

Será que o seu sacrifício satisfaz os critérios de ser um verdadeiro sacrifício?

(1) O seu sacrifício foi dado livremente?

João 10:15 “Assim como o Pai me conhece a mim, também eu conheço o Pai, e dou a minha vida pelas ovelhas.”

Não sabemos exactamente quantos soldados romanos entraram para o jardim para prendê-lo. Mas nós sabemos que, ele assim o escolheu, Ele poderia ter usado o Seu poder divino e cada um deles orientado para os seus joelhos.
Não foram os soldados que o colocaram na cruz
Não foram os picos da coroa que o prenderam à cruz

Foi o Seu amor que de uma forma LIVRE o levou à cruz por MIM.

(2) Foi o Seu sacrifício TOTAL?

Para chegar à cruz o sacrifício foi total.
Romanos 5:6-8 “6 Porque Cristo, estando nós ainda fracos, morreu a seu tempo pelos ímpios.
7 Porque apenas alguém morrerá por um justo; pois poderá ser que pelo bom alguém ouse morrer.
8 Mas Deus prova o seu amor para connosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores.”

Ele fez mais do que apenas sofrer por nós, a Bíblia diz: Ele morreu por NÓS !

(3) FOI DADO COM UM CUSTO?

Mateus 20:28 “Bem como o Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir, e para dar a sua vida em resgate de muitos.”

1 Timóteo 2:6” O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo.”

Olhe para a palavra "resgate". Essa é a palavra "antilutron" o que significa um resgate dos preços.
SE alguém raptasse um filho nosso poderia pedir um resgate para pagar o preço da liberdade do filho.
JESUS pagou o preço, Jesus sacrificou-se LIVREMENTE, TOTALMENTE e com um PREÇO.
Conclusão:

Agora o Senhor nos diz que Ele quer que nós oferecemos os nossos corpos como um sacrifício vivo a Deus.

(1) Tem que ser dado livremente
(2) Tem que ser Total
(3) Tem que ter um custo

1 comentário:

  1. Muito bom estudo galera,vou usa-lo no culto de jovens!!!

    Que Deus os abençoe

    ResponderEliminar

Obrigado pelo seu comentário.